Execução da operação no reservatório da Usina de Aimorés é considerada um sucesso

Uma análise crítica da operação denominada Pass Through considerou que a execução da manobra realizada em 2021 foi um sucesso. Essa constatação se deu durante uma reunião do Grupo de Trabalho, na manhã de 17 de março, depois de avaliados os pontos positivos e negativos do processo.

A manobra do Pass Through na Usina de Aimorés consiste no rebaixamento do nível do reservatório com o objetivo de reposicionar os sedimentos no fundo do rio Doce, para manter a condição do reservatório conforme os parâmetros projetados. Pela primeira vez a operação envolveu um ciclo completo, deplecionando o reservatório no limite permitido na resolução da Agência Nacional das Águas (ANA).

Imagens de Antes x Depois do rebaixamento

Todo o trabalho foi minuciosamente planejado e executado, considerando as lições aprendidas em anos anteriores, com destaque para a atuação da equipe de O&M da UHE Aimorés que operacionalizou os vertimentos de maneira “cirúrgica” e garantiu os rebaixamentos exatamente como previsto no plano. O supervisor de Meio Ambiente, Ricardo Siqueira, exemplificou um dos benefícios, citando que essa abordagem garantiu o rebaixamento lento do reservatório e possibilitou que os peixes saíssem das lagoas que se formavam sem a necessidade de resgate.

Outro destaque foi a otimização de pessoas e equipamentos, reforçando a rede de monitoramento e reduzindo a mobilização da mão de obra braçal. A equipe que executou a manobra em 2021 foi otimizada e alcançou melhores resultados.

Números do Pass Through em 2021:

Execução da operação no reservatório da Usina de Aimorés é considerada um sucesso - Aliança Energia

O formato adotado para a manobra do Pass Through em 2021 está sendo considerado o modelo ideal para as próximas operações com rebaixamento de 1,5m no nível do reservatório, com poucos ajustes. Os resultados relativos à reconfiguração dos sedimentos serão observados por meio de análise de batimetria, a ser realizada ainda no primeiro semestre de 2021.

Confira mais algumas imagens do Pass Through

“Fazendo valer todo o aprendizado dos ciclos anteriores, a execução da manobra foi um sucesso pois, além de atender a todos os requisitos operacionais estabelecidos pelos órgãos reguladores e ambientais, os possíveis impactos foram mitigados sem ocorrências de maiores transtornos para as comunidades ribeirinhas e ao meio ambiente.” Adilison Melo, coordenador de O&M da Usina de Aimorés

A operação do Pass Through pode ser realizada sempre que necessário, no período chuvoso – de novembro a março – quando as condições de vazão do rio possibilitam variar o nível do reservatório em até 1,5m  de maneira controlada, restabelecendo seu nível normal após a conclusão dos trabalhos técnicos.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *